Magaly Prado - Notícias sobre Rádio z

Coloque o selo da Magaly no seu site!

O blog da Magaly vira sua página principal

Adicione ao seu Del.icio.us

Lançamento do meu livro foi dia 7/6 na Fnac Paulista. Saiba mais Veja as fotos

Add to Technorati Favorites

Quem é cadastrado ganha brindes. Cadastre-se agora

  Top ten do leitor-ouvinte

Dial FM de SP:
   Gazeta
   89
   Nova Brasil

 Dial completo
 Dials de outras cidades

 Curiosidades

Computando seu voto...
Carregando resultado

Total de votos:

RSS: Clique com o botão direito do mouse sobre a pílula laranja e copie o endereço RSS deste blog para seu leitor preferido

XML/RSS Feed

www.flickr.com
This is a Flickr badge showing photos in a set called Radiofotos. Make your own badge here.


SERÁ QUE A RADIOARTE DESAPARECE?

  HELEN THORINGTON         escreveu artigo no site da     TATE GALLERY       com o propósito de contribuir na delimitação do contexto atual para a radioarte e audioarte, explorando as redes de comunicação  e observando suas plataformas e sonorização de nosso cotidiano. Espécie de introdução ao tema, o artigo inclui comentários sobre os recentes trabalhos na área como este    MICROFALL      criado por   CHRISTOF MIGONE       (imagem acima) e outros por    SARAH WASHINGTON      . (por Lilian Zaremba) leia em inglês trecho abaixo...

What is Radio Art?

Radio art had a special meaning to those who created it in the US during the Eighties and Nineties. From the most complex hi-tech studio productions to the raw energy of live and interactive broadcasts, these artists were predominantly engaged with subverting media conventions by presenting something other than familiar radio forms.

Thus while the work might use journalistic devices or dramatic conventions, it was neither journalism, nor drama; it wasn't music either though it might be composed entirely of non-textual sound. American radio art was a vast array of different forms that recognised radio's distinct means and parameters, and at the same time, its creative possibilities, how it might challenge existing social and cultural norms and create/fashion new ones.

Part of its appeal, as Claire Brilliant so aptly remarks, lay in the tension created when the experimental artist tried to subvert the medium's mainstream status while simultaneously leveraging its capacity to reach a wide audience.[i]

In the mid 1980s, when I started New American Radio, a weekly series of half-hour radio art programmes by artists for American public radio, there was a stranglehold on channels of distribution; most people, and certainly most artists, were excluded from radio production, just as we were excluded from book publishing and music distribution. Across the US, Europe and the Pacific a handful of great radio programmes focused on radio art and experimental music - The Listening Room in Australia, for instance; Kunstradio in Austria; the Pacifica stations in the US. These, however, were the only places that sound artists could enter broadcasting and take advantage of radio's mass distribution. And those of us who produced the programming for them, whether we liked it or not, were gatekeepers. There was no such thing as open access.

Today that stranglehold is broken. Personal computers and networked connections are everywhere; and anyone with a computer and a network connection has the capital required for production and can produce and distribute whatever he or she wants - alone or with others.[ii]

The radio scene has changed. Broadcast radio is shrinking under the flood of new technologies. And, as a friend recently remarked, 'radio art as such seems to have vanished.'[iii] Or has it? (por Lilian Zaremba)



Escrito por Magaly Prado às 11h59
[ ] [ envie esta mensagem ]


Esporte da Rádio Capital festeja 1.º ano e contrata o narrador Reinaldo Porto

O experiente narrador Reinaldo Porto foi efetivado em 1.º de fevereiro como reforço da nova equipe de Esportes da Rádio Capital AM, de São Paulo, que completou o primeiro ano em 17 de janeiro. Com estilo próprio, Reinaldo já havia feito sucesso em outras emissoras, entre as quais a Bandeirantes, e agora participa das jornadas esportivas da Capital, em revezamento com dois outros narradores: Ivo Morganti e Fausto César.

Reinaldo Porto foi contratado com apoio do diretor-geral da Rádio Capital, Francisco Paes de Barros, e do coordenador de Esportes e de Jornalismo, Luiz Carlos Ramos. A equipe vem transmitindo os jogos do Campeonato Paulista e da Copa Libertadores da América e disputa com a Rádio Globo a liderança da audiência nas tardes de sábado e domingo. Os comentaristas Dalmo Pessoa e Lombardi Júnior, os repórteres Anderson Cheni, Rafael Esgrilis e Bruno Bernardi e os produtores Bruno Filho e Joice Luciana também integram a equipe.

O apresentador e comentarista Roberto Avallone, que comanda, há 11 meses, o programa diário “No Pique”, às 18 horas, na Rádio Capital, com a participação de todo o time de esportes da emissora, agora também está de volta à televisão, com um programa de debates na CNT, aos domingos.

A Rádio Capital é sintonizada em 1040 kHz AM ou, pela internet, no site da rádio (por The Winner Press Service)



Escrito por Magaly Prado às 11h56
[ ] [ envie esta mensagem ]


Prefeitura do Rio anuncia recursos após reportagem da BandNews FM

Emissora contou 544 buracos na Avenida Brasil

Reportagem da Band News FM leva a prefeitura do Rio de Janeiro a anunciar recursos para tapar buracos na avenida Brasil, uma das principais da cidade.

A emissora levou ao ar ontem um “campeonato de buracos": em São Paulo, na Marginal do Pinheiros, e no Rio de Janeiro, na avenida Brasil. Os repórteres da BandNews FM percorreram os corredores contando, um a um, os buracos que provocam tantos prejuízos aos motoristas e geram acidentes.

Na capital paulista, foram 71 ao longo dos 22 quilômetros de pista. No Rio, o número foi impressionante: a Band News FM contou 544 buracos no percurso de 58 km.

Depois da reportagem, o prefeito do Rio, Eduardo Paes, admitiu se tratar de um resultado alarmante, e prometeu destinar R$ 80 milhões em obras para recuperar o asfalto. Os motoristas que passam pela via reclamam. Ao contrário de Eduardo Paes, o prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab, não respondeu à reportagem da Band News FM.

A declaração de Eduardo Paes pode ser ouvida aqui (Fonte: assessoria de imprensa do Grupo Band de Rádio)



Escrito por Magaly Prado às 18h32
[ ] [ envie esta mensagem ]


REDE MIX DE RÁDIO ESTREIA OFICIALMENTE EM LONDRINA E SE PREPARA PARA CONQUISTAR OUVINTES NO LITORAL CATARINENSE

A Rádio Mix Londrina (90.1 FM) estreia oficialmente na próxima segunda-feira, 2 de fevereiro, às 15h. A emissora já transmitia chamadas de expectativa desde o início de janeiro.

 

A Mix FM chega a Londrina, segunda cidade mais populosa do Paraná, ocupando a frequência da Norte FM, que gerava programação popular. A nova rádio levará aos ouvintes da região os padrões da Mix São Paulo. Além da programação musical focada em música pop (rock, reggae e hip hop), a Mix Londrina também terá no ar promoções e programas de humor como “Hora do Mução” e “Jackson Five”.

 

A Mix Londrina (90.1 FM) terá ouvintes em cidades como Arapongas, Rolândia, Cambé, Ibiporã, Tamarana e Apucarana.

 

Campanha de Estreia

A direção da Mix Londrina preparou um plano de mídia especial para a divulgação da nova rádio na cidade a partir de 2 de fevereiro. Estão programados comerciais nos principais canais de TV durante um mês – TV Tarobá (afiliada Rede Bandeirantes), Ric TV (afiliada Rede Record), SBT e Multi TV (canal local) –, além de anúncios no Jornal de Londrina e na Folha de Londrina. A campanha de estreia da Mix Londrina inclui também quatro outdoors em pontos movimentados da cidade e distribuição de folders nas Blitz Mix (ações de rua).

 

Mix no Litoral de Santa Catarina

Com a Mix Londrina, a Rede Mix de Rádio chega ao número de 19 afiliadas. Esse número deve aumentar ainda no mês de fevereiro com a estreia da Mix Litoral de Santa Catarina, na frequência 88.5 FM, que não era ocupada por outra rádio anteriormente. A torre da Mix Litoral de Santa Catarina ficará localizada na cidade de Bombinhas, e as transmissões alcançarão as cidades de Camboriú, Balneário Camboriú, Porto Belo, Tijucas e Itapema.

 

Alexandre Medeiros, gerente de expansão da Rede Mix de Rádio, acredita que a região do litoral de Santa Catarina seja estratégica para o crescimento da rede no sul do país. “O litoral catarinense é conhecido no Brasil inteiro como pólo turístico, é uma região desenvolvida e com possibilidades de expansão comercial. Além disso, a visibilidade que teremos com a Mix Litoral de Santa Catarina certamente influenciará novos afiliados”, disse Medeiros. Vale lembrar que a Mix FM já tem uma afiliada em Santa Catarina, na cidade de Blumenau (106.3 FM). (por Landa Giarato)

 

Rede Mix de Rádio:

Mix São Paulo (106.3 FM) - SP

Mix Campinas (97.5 FM) - SP

Mix Avaré (90.3 FM) - SP

Mix Guaratinguetá (106.7 FM) - SP

Mix João Pessoa (93.7 FM) - PB

Mix Fortaleza (95.5 FM) - CE

Mix Curitiba (92.9 FM) - PR

Mix Brasília (88.3 FM) - DF

Mix Belo Horizonte (91.7 FM) – MG

Mix Manaus (100.7 FM) – AM

Mix Andradina (100.7 FM) -  SP

Mix Rio de Janeiro (102.1 FM) – RJ

Mix Maceió (97.7 FM) – AL

Mix Vitória (106.9 FM) - ES

Mix Blumenau (106.3 FM) – SC

Mix Atibaia (91.9 FM) - SP

Mix Maringá (97.9 FM) – PR

Mix Ponta Grossa (94.7 FM) – PR

Mix Londrina (90.1 FM) - PR



Escrito por Magaly Prado às 11h47
[ ] [ envie esta mensagem ]


CURSOS ONLINE DE RÁDIO DA BBC

Na área de treinamento do site da BBC dá para achar diversos cursos online com variados tempos de duração.  

Radio Courses

Online Courses and Guides

BBC News Styleguide1

Cool Edit Pro 01: The Basics1

Cool Edit Pro 02: The Editing Process 1

Cool Edit Pro 03: Multitrack Packaging 1

Cool Edit Pro 04: Mix Down and Housekeeping 1

Interviewing for Radio1

Microphones and sound for radio1

Minidisc for Radio



Escrito por Magaly Prado às 23h03
[ ] [ envie esta mensagem ]


TROFÉU MULHER IMPRENSA - RADIALISTAS

 

 

Está no ar a segunda fase do "Troféu Mulher Imprensa", idealizado pela revista e portal IMPRENSA, em parceria com Aberje e Maxpress, para homenagear as mulheres que atuam no jornalismo brasileiro, em seus mais diversos setores.

Veja as concorrentes nas categorias das profissionais do rádio

Categoria 1 - Âncora de rádio

Chiara Luzzati (Rádio Bandeirantes)
Fabiola Cidral (CBN)
Lucia Hippolito (CBN)
Patricia Palumbo (Rádio Eldorado)
Roxane Ré (Ex-CBN)

Categoria 4 - Repórter de rádio

Carolina Ercolin (Rádio Bandeirantes)
Catia Toffoletto (CBN)
Giane Guerra (Rádio Gaúcha)
Petria Chaves (CBN)
Rosean Kennedy (CBN)

Categoria 10 - Comentarista ou colunista de rádio

Denise Campos de Toledo (Jovem Pan)
Lucia Hippolito (CBN)
Mara Luquet (CBN)
Miriam Leitão (CBN)
Mônica Bergamo (Bandnews)



Escrito por Magaly Prado às 12h02
[ ] [ envie esta mensagem ]


SOBRE MEU WORKSHOP NA CAMPUS PARTY 2009

Cobertura da Multishow FM na Campus Party comentou sobre o workshop que dei. Realmente a oficina não lotou, mas quem participou disse que gostou. Estavam bem interessados e isso é que vale. Pude mostrar alguns exemplos de radioarte e alguns adoraram. Uma delas, a Beatriz, nunca tinha ouvido nenhum trabalho de radioarte.

Muita gente ainda não sabe o que audiocast, mais difícil de chamar público. E de mais a mais, não tive boa divulgação. A maioria das atividades da #cparty foram bem divulgadas, não sei o que rolou com a minha. Enfim, valeu. Conheci mais gente que gosta de rádio e revi muitos amigos. Veja o que saiu publicado no site da Multishow FM. E veja também abaixo o comentário de uma das participantes.

 

Faça o seu Audiocast

Qui, 22/01/09

por campuseiros_multissintonizados |

A oficina de Audiocast não chegou a lotar, mas a palestrante Magaly Prado deu dicas boas sobre como se produzir um programa desses. Entre os principais conceitos, ela listou:

- Qual a diferença entre podcast e audiocast? Nenhuma. O termo Audiocast foi cunhado por ela para não usar um nome que está associado a uma marca, no caso o iPod (Apple).

- Audiocasts são programas de rádio, só que em formato curto.

- São gravados e armazenados em alguma página ou agregador de audiocasts (iTunes, por exemplo).

- Nos audiocasts não existe o conceito de grade. Escuta-se a hora que quer.

- Outra diferença importante é que um audiocast pode ser baixado e ouvido num player portátil (iPod, por exemplo).

- O programa ideal para se gravar um audiocast é o Audacity: é grátis e de interface extremamente amigável.

- Para seu programa não ficar chato: seja breve, escolha bem a sua pauta e use, se possível, mais de uma pessoa. É menos monótono para o público ter mais de uma voz no programa.

- As vinhetas ajudam a dar personalidade para seu programa. Faça uma bem impactante.

- Vital: SEMPRE atualize seu audiocast. É importante para manter seu público, se manter vivo e não cair em esquecimento. Lembre-se: a web é um lugar em constante movimento. Mexa-se também!

***

A Magaly Prado [Nooradio] conversou com a gente sobre Audiocasts - podcast é o termo cunhado a partir do ipod, que possibilitou o surgimento "de verdade" desse tipo de compartilhamento de rádio pela web. A produção de audiocasts é relativamente simples [um software de edição, um microfone e fala inteligível já são suficientes], e não existe formato aplicado ou regras como no rádio tradicional. O importante é definir conteúdo, o "público" e tentar ser condizente entre tudo isso. Discutimos vinhetas [necessárias ou não? As vinhetas marcam a personalidade do programa/podcast, o assunto ou até o locutor], uso de músicas [viva o Creative Commons - ainda não existe legislação específica para direitos de música em rádio na web, mas é melhor não cutucar a onça, apesar de já haver uma associação de produtores de podcasts] e republicação de trabalhos. Um pouco de tudo, com menos prática do que o planejado, mas um bate-papo bacana. (by Maíra, 19, do blog Idéias Estranhas)



Escrito por Magaly Prado às 12h17
[ ] [ envie esta mensagem ]


FUTURO DAS RÁDIOS COMUNITÁRIAS NA TV SENADO

O programa "Cidadania", da TV Senado, traz o debate sobre o futuro das Rádios Comunitárias no Brasil.
O programa foi ao ar no sábado e tem  reapresentação hoje, domingo, 12h30, e na segunda, 20h30.
Quem não tiver acesso a TV Senado pelo sistema UHF, cabo ou satélite, pode acompanhar pela internet, o endereço é
www.senado.gov.br/tv

Dica do Chico Sant'Anna



Escrito por Magaly Prado às 12h09
[ ] [ envie esta mensagem ]

© 2004. Todos os direitos reservados. Expressamente proibido a publicação e/ou utilização deste conteúdo sem autorização.
Meu humor:

  Escutando todas!

Magaly Prado é jornalista, radiomaker, professora universitária e escritora. Doutoranda em Comunicação e Semiótica pela PUC-SP e bolsista da CAPES - Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Ensino Superior. É Mestre em Tecnologias da Inteligência e Design Digital pela PUC-SP, pós-graduada em Comunicação Jornalística pela Faculdade Cásper Líbero, onde cursou Jornalismo e na qual ministra aulas de Produção de Rádio e Radiojornalismo II e pesquisa Publicidade no Rádio, no CIP –Centro Interdisciplinar de Pesquisa. Ministra também aulas de Linguagem Aplicada ao Audiovisual, Jornalismo On-line e Livro-Reportagem na FMU –Faculdades Metropolitanas Unidas– e Introdução ao Jornalismo na ESPM –Escola Superior de Propaganda e Marketing. É professora convidada do MBA de Rádio e TV da Universidade de Tuiuti do Paraná (UTP), no qual ministra Roteiro Avançado de Rádio. Publicou os livros "Produção de Rádio - Um Manual Prático" pela editora Campus/Elsevier, em 2006, e “Webjornalismo” pela LTC/ GEN, em 2010, quando criou uma página com informações aumentadas em .
 Leia mais
 Cursos de Rádio
 Palestras sobre Rádio

 Fale Conosco
 Responda quatro perguntas sobre rádio na web, por favor

 Eventos do mês

  Ouça entrevista com a Magaly

Histórico:
Ver mensagens anteriores

 Sugestão de leitura

LINKS
 Radio Uol
 Site da minha filhota
 Ondas Curtas
 Helio Ribeiro
 Uolk


Pesquisas interessantes:
  O que a classe "A" ouve?

Matérias polêmicas:
  89FM vira 89 Pop
  Vem aí a rádio MTV FM
  Record compra Guaíba AM/FM

  SulAmérica Trânsito FM

Entrevistas especiais:
  Paulo Bonfá
  João Gordo detona 89

  Paulo Lopes
  Fiori Giglioti





Por problemas técnicos, este contador zerou e recomeçou a contar a partir de novembro


powered by ODEO