Magaly Prado - Notícias sobre Rádio z

Coloque o selo da Magaly no seu site!

O blog da Magaly vira sua página principal

Adicione ao seu Del.icio.us

Lançamento do meu livro foi dia 7/6 na Fnac Paulista. Saiba mais Veja as fotos

Add to Technorati Favorites

Quem é cadastrado ganha brindes. Cadastre-se agora

  Top ten do leitor-ouvinte

Dial FM de SP:
   Gazeta
   89
   Nova Brasil

 Dial completo
 Dials de outras cidades

 Curiosidades

Computando seu voto...
Carregando resultado

Total de votos:

RSS: Clique com o botão direito do mouse sobre a pílula laranja e copie o endereço RSS deste blog para seu leitor preferido

XML/RSS Feed

www.flickr.com
This is a Flickr badge showing photos in a set called Radiofotos. Make your own badge here.


Manifestantes contrários ao conflito na Faixa de Gaza ocupam emissora de rádio na Indonésia

A Rádio Indonésia, da região central de Java, foi ocupada na terça-feira (30) por centenas de manifestantes contrários aos ataques do Iraque na Faixa de Gaza. Segundo noticiou a agência Efe, na ação, o grupo - em sua maioria pertencente à Associação de Estudantes Islâmicos da Indonésia - obrigou a direção do veículo a transmitir mensagens ofensivas ao governo iraquiano.

Os manifestantes também cobraram do presidente da Indonésia, Susilo Bambang Yudhoyono, mais esforços no combate aos confrontos em Gaza, que até o momento já vitimou centenas de pessoas entre civis e militares.

Na Indonésia, país muçulmano mais povoado do mundo, protestos contrários ao conflito vigente no Oriente Médio tem se intensificado desde o último domingo (28), segundo dia dos ataques de Israel à Faixa de Gaza. (Fonte: EFE, a partir de informações do Portal Imprensa)



Escrito por Magaly Prado às 13h27
[ ] [ envie esta mensagem ]


Blaupunkt faz rádio online para carros

Da Info Abril- A ideia do rádio pela web é velha, o duro era conectar o som à internet estando no lugar onde mais se ouve rádio: no carro. Agora que o 3G deu um jeito nisso, a Blaupunkt desenhou essa coisa linda aí em cima e vai mostrar o aparelho pronto na CES.

Por esse equipamento, você consegue sintonizar as rádios AM e FM, além de acessar milhares de estações do mundo pela internet. O legal é que não é preciso pagar um plano só para isso, pois o equipamento pode usar a conexão do seu celular, via Bluetooth.

O lance é uma parceria da Blaupunkt (a marca multimídia da Bosch) com a miRoamer, responsável por fazer a transmissão. Poucos detalhes foram revelados, mas, pelo que dá para ver na imagem, será possível ligar um player de MP3 pela porta USB e fazer ligações pelo celular, usando o Bluetooth e a própria tela do rádio.



Escrito por Magaly Prado às 13h36
[ ] [ envie esta mensagem ]


Prof. Pasquale e Rádio Globo realizam série sobre reforma ortográfica

Com estréia em 1º de janeiro, especial de 10 episódios vai apresentar as novas regras da língua portuguesa

A reforma ortográfica assinada este ano pelo presidente Lula entra em vigor no dia 1º de janeiro de 2009 e prevê a unificação dos registros escritos do Brasil, de Portugal e de mais seis países de língua portuguesa. Mudar a grafia de palavras certamente vai causar muitas dúvidas num primeiro momento; por isso, haverá um período de transição até 2012. Mas o ouvinte da Rádio Globo não precisa esperar todo esse tempo. Em dez lições simples e didáticas, o professor Pasquale Cipro Neto vai provar que essa mudança não é um bicho-de-sete-cabeças. A série especial do boletim "Com a palavra, o professor Pasquale", que a Rádio Globo apresenta a partir do próximo dia 1º, será uma oportunidade única para quem quer se adiantar e ficar por dentro das novas regras. As edições vão ao ar de segunda a sexta, às 11h05min, com reprises às 15h45min. Uma aula imperdível para quem ama a língua portuguesa. (por assessoria de imprensa do Sistema Globo de Rádio)



Escrito por Magaly Prado às 13h25
[ ] [ envie esta mensagem ]


PROJETO VERÃO POP TRANSAMÉRICA 2009 CHEGA AO LITORAL PAULISTA

Rádio agita as principais praias de São Paulo e realiza a segunda edição do Festival de Bandas Verão Pop

O Projeto "Verão Pop Transamérica 2009" chega ao litoral paulista. Desde ontem, com um estúdio móvel e palco que reúne recursos de som e iluminação, a rádio Transamérica leva entretenimento para os turistas que freqüentam a região.

Na arena do 'Verão Pop Transamérica', instrutores vão ensinar uma série de atividades físicas que incluem coreografias, aeróbica, correção de postura, alongamento, relaxamento e respiração. Os participantes vão também usufruir de um espaço de lazer e diversão com cama elástica e parede de escalada.

A primeira fase acontece na Praia Grande desde ontem. A partir do dia 9 de janeiro, a equipe da Transamérica chega ao Guarujá. Ubatuba e mais uma praia do Litoral Norte completam os destinos do Projeto "Verão Pop Transamérica 2009".

Após o sucesso da primeira edição em 2008, a Transamérica realiza o 2º Festival de Bandas Verão Pop, um concurso cultural com o objetivo de revelar novas bandas e entreter os participantes do Projeto Verão. A competição itinerante terá etapas em todas as cidades do Projeto e a final será na Praia Grande. O grupo vencedor terá cinco músicas de seu repertório divulgadas no site de downloads brasileiro, o Mercado da Música.

O Projeto Verão atinge milhões de pessoas entre turistas do litoral paulista e ouvintes cobertos pela Transamérica Pop.

Itinerário:

Etapa 1: 31/12/2008 à 4/1/2009: Praia Grande

Etapa 2: 9/1/2009 à 11/1/2009: Guarujá

Etapa 3: 16/1/2009 à 18/1/2009: Ubatuba

Etapa 4: 23/1/2009 à 25/1/2009: Litoral Norte

Etapa 5: 30/1/2009 à 1/2/2009: Ubatuba

Etapa 6: 6/2/2009 à 8/2/2009: Litoral Norte

Etapa 7: 13/2/2009 à 15/2/2009: Guarujá

Etapa 8: 20/2/2009 à 24/2/2009: Praia Grande

 

(Da assessoria de imprensa por Caroline Corrêa). Site da Transanet



Escrito por Magaly Prado às 11h43
[ ] [ envie esta mensagem ]


MINISTRO DAS COMUNICAÇÕES HÉLIO COSTA DESISTE DE QUERER ADOTAR O PADRÃO AMERICANO IBOC (IN BAND ON CHANNEL)

Em matéria de Ethevaldo Siqueira, do Estadão de hoje (somente para assinantes*), intitulada "Hélio Costa abandona projeto de rádio digital", o ministro afirma retirar o apoio à tecnologia Iboc, que vinha sendo testada por um pouco mais de uma dezena de rádios brasileiras. Após defender que o padrão americano era o ideal por permitir transmitir simultaneamente** o sinal digital mantendo o analógico até o final do projeto de implantação do sistema, Costa percebe, finalmente, todos os inúmeros problemas que o Iboc poderia trazer caso fosse adotado como padrão.

Será que ele ouviu os alertas dos técnicos independentes, para "reconhecer" como Siqueira cita na matéria? Ou, na verdade, os próprios radiodifusores chegaram à constatação de que o sistema não funciona mesmo (nem com muito jeitinho), e voltaram atrás na decisão de adotá-lo?

Desde 2006, pesquisadores do Núcleo de Mídia Sonora do Intercom, além dos tais técnicos independentes mencionados por Siqueira, vem apontando não somente as falhas detectadas nos testes relatados por engenheiros (e também por alguns diretores sem "papas na língua") das emissoras de rádio que resolveram testar o Iboc.

Muitos de nós, pesquisadores, com questionários em punho, fazendo a via sacra de rádio em rádio, pelo Brasil afora, perguntamos, questionamos, checamos, "rechecamos" e deixamos tudo registrado nos diversos papers apresentados nos Congressos de Comunicação e, alguns como eu, escrevemos sobre o tema também em revistas e em blogs especializados em rádio. Com o resultado das pesquisas, tiramos, em reunião conjunta em 2007, um documento abaixo-assinado por quase uma centena de pesquisadores e professores de rádio de todo o país, que foi entregue por uma comissão do Núcleo de Mídia Sonora ao ministro há (exatamente) um ano. Lá listamos um a um os diversos defeitos do sistema que foram descobertos nos testes.

O mais difícil de entender é: porque só agora o Minicom, a Anatel e a Abert resolveram não dar prosseguimento ao projeto de implantação do Iboc? Artigo do próprio ministro Hélio Costa, do último dia 21/12, no jornal "Estado de Minas", menciona várias outras citações com opiniões contrárias ao rádio digital, algumas do mês de fevereiro!!! E como dizem os manos: "demorou!" A impressão que tenho é que o motivo é outro. Não sei dizer qual, é preciso checar. E não adianta comparar nossa realidade com o projeto de rádio digital do Iboc entre os americanos, pois lá existe forte penetração do rádio por satélite. Lá rádios públicas possuem grande audiência por cumprirem seu papel. College rádios funcionam, a segmentação é avançada etc. etc. etc.  

Bom, de qualquer forma, a desistência se dá quanto ao padrão Iboc, que estava sendo testado, isso porque, apenas uma delas, de Brasília, pretendia (até as últimas informações em setembro passado) testar o sistema europeu. Resta saber, ao certo, se a DRM vai mesmo operar em FM como andou anunciando. Uma pontinha de esperança? Será que vai começar tudo de novo? E os problemas de sempre? Para os radiodifusores (principalmente os de rádios de baixa potência), custos de equipamento de transmissão, e para os receptores o custo do aparelho para ouvir. Se não houver transmissão simultânea não haverá o delay de cerca de 8 segundos quando sai do analógico e vai para o digital? Pagamentos de royalties também serão cobrados, se a adoção for o DRM? E as piratas continuarão a atrapalhar os testes de alcance? Ainda falta muito a esclarecer.


* Infelizmente. Até quando portais vão fechar conteúdo jornalístico? O artigo corre solto pela rede...

** Se isso não abre a possibilidade de novos atores terem o direito de adquirir uma concessão, discordo que isso seja uma vantagem suficiente para adoção do padrão Iboc. Pelo menos, nos demais a democratização pode ser possível (ou não?)



Escrito por Magaly Prado às 01h20
[ ] [ envie esta mensagem ]

© 2004. Todos os direitos reservados. Expressamente proibido a publicação e/ou utilização deste conteúdo sem autorização.
Meu humor:

  Escutando todas!

Magaly Prado é jornalista, radiomaker, professora universitária e escritora. Doutoranda em Comunicação e Semiótica pela PUC-SP e bolsista da CAPES - Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Ensino Superior. É Mestre em Tecnologias da Inteligência e Design Digital pela PUC-SP, pós-graduada em Comunicação Jornalística pela Faculdade Cásper Líbero, onde cursou Jornalismo e na qual ministra aulas de Produção de Rádio e Radiojornalismo II e pesquisa Publicidade no Rádio, no CIP –Centro Interdisciplinar de Pesquisa. Ministra também aulas de Linguagem Aplicada ao Audiovisual, Jornalismo On-line e Livro-Reportagem na FMU –Faculdades Metropolitanas Unidas– e Introdução ao Jornalismo na ESPM –Escola Superior de Propaganda e Marketing. É professora convidada do MBA de Rádio e TV da Universidade de Tuiuti do Paraná (UTP), no qual ministra Roteiro Avançado de Rádio. Publicou os livros "Produção de Rádio - Um Manual Prático" pela editora Campus/Elsevier, em 2006, e “Webjornalismo” pela LTC/ GEN, em 2010, quando criou uma página com informações aumentadas em .
 Leia mais
 Cursos de Rádio
 Palestras sobre Rádio

 Fale Conosco
 Responda quatro perguntas sobre rádio na web, por favor

 Eventos do mês

  Ouça entrevista com a Magaly

Histórico:
Ver mensagens anteriores

 Sugestão de leitura

LINKS
 Radio Uol
 Site da minha filhota
 Ondas Curtas
 Helio Ribeiro
 Uolk


Pesquisas interessantes:
  O que a classe "A" ouve?

Matérias polêmicas:
  89FM vira 89 Pop
  Vem aí a rádio MTV FM
  Record compra Guaíba AM/FM

  SulAmérica Trânsito FM

Entrevistas especiais:
  Paulo Bonfá
  João Gordo detona 89

  Paulo Lopes
  Fiori Giglioti





Por problemas técnicos, este contador zerou e recomeçou a contar a partir de novembro


powered by ODEO