Magaly Prado - Notícias sobre Rádio z

Coloque o selo da Magaly no seu site!

O blog da Magaly vira sua página principal

Adicione ao seu Del.icio.us

Lançamento do meu livro foi dia 7/6 na Fnac Paulista. Saiba mais Veja as fotos

Add to Technorati Favorites

Quem é cadastrado ganha brindes. Cadastre-se agora

  Top ten do leitor-ouvinte

Dial FM de SP:
   Gazeta
   89
   Nova Brasil

 Dial completo
 Dials de outras cidades

 Curiosidades

Computando seu voto...
Carregando resultado

Total de votos:

RSS: Clique com o botão direito do mouse sobre a pílula laranja e copie o endereço RSS deste blog para seu leitor preferido

XML/RSS Feed

www.flickr.com
This is a Flickr badge showing photos in a set called Radiofotos. Make your own badge here.


SALOMÃO SCHVARTZMAN ESTRÉIA PROGRAMA MUSICAL NA RÁDIO CULTURA FM

Responsável pela faixa de maior audiência da Cultura FM, de São Paulo, o "Diário da Manhã", com uma média registrada pelas pesquisas de audiência de mais de 25 mil ouvintes por minuto, no ar de segunda a sexta, às 8h, o jornalista Salomão Schvartzman passa a comandar agora também o horário das 12h, dos sábados, a partir de amanhã, com o programa "Sábado Perfeito". No novo horário, Salomão se dedica única e exclusivamente à música.

A idéia é dar ao ouvinte a sensação de se reencontrar com as grandes obras da história da música. Segundo ele, que também assina a produção do programa, "Sábado Perfeito" será uma seleção dos momentos mais marcantes da musica ocidental. O programa vai destacar a divina música em seus momentos históricos, de Tchaikovski a Beethoven, de Mahler a Miles Davis, condensados em uma hora.



Escrito por Magaly Prado às 21h27
[ ] [ envie esta mensagem ]


GARAGEM DA MIX COM MARCELO D2

Marcelo D2 foi a atração do "Garagem da Mix" com apresentação de Edgard Picolli. O programa foi gravado na segunda-feira, no teatro da Mix (UNIP) – vai ao ar hoje, às 16h - e contou com a participação de um público ouvintes portadores da carteira do estudante STB/Mix, que fizeram suas inscrições no www.mixfm.com.br.

Marcelo D2 tocou sucessos com a presença do DJ Primo: "Vai Vendo", "A Maldição do Samba", "A Procura da Batida Perfeita", "Eu Tive um Sonho", "1967", "Contexto", "Mantenha o Respeito", "Quem tem seda?", "Pilotando o Bonde", "Queimando Tudo" e "Qual é?".

Entre uma música e outra o músico bateu um papo com Picolli e respondeu às perguntas do público no teatro.

Declarou que não sabe se o Planet Hemp voltará a gravar: "Nos reunimos às vezes porque acima de tudo ainda somos amigos, mas não queremos gravar por gravar. Talvez daqui um tempo", disse Marcelo.

Um ouvinte perguntou se ia rolar parceria com o filho nos próximos trabalhos. "Não, porque alguém em casa tem que estudar e decidimos que será ele [depois de algumas risadas ele continuou]. Ele só tem 13 anos e repetiu o ano no colégio. Eu sempre quis fazer música com meu pai, mas ele morreu e acho que ter cantado com meu filho foi a maior homenagem que poderia ter feito ao meu pai. O Stephan cantou a música comigo ["Loadeando"], fizemos clipe, ele ficou conhecido, mas é muito mais do que isso. Somos pai e filho e isso tudo é muito pouco perto do que temos. Ele é novo, não vou ficar pressionando para ser músico", respondeu Marcelo.

Em uma outra participação de ouvinte a pergunta foi o que Marcelo achava dos shows de gringos lotarem, e se o público não valorizava o nacional. "É bem aquela história: somos colônia. Mas, por outro lado, vai quem quer. Gosto de alguns rappers, não do 50 Cent, por exemplo. Não gosto das letras dele. Toquei no mesmo palco que ele aqui, mas... Meu filho tem o CD dele, cheio de fotos do cara armado. Ele vende disco porque tomou nove tiros, o que é isso? Eu não saio de casa para ver isso, nem para me ver eu sairia", falou.

Marcelo ainda falou sobre rappers brasileiros que admira, sobre legalização de drogas e outros papos que poderão ser conferidos no programa, que vai ao ar hoje na Mix FM, em São Paulo (106.3) e na rede: Mix Campinas (97.5), Mix Avaré (90.3), Mix Guaratinguetá (106.7), Mix Ribeirão Preto (106.7) e Mix João Pessoa (93.7). Quem não puder ouvir pelo rádio poderá acessar o site da emissora para audição on line.



Escrito por Magaly Prado às 13h20
[ ] [ envie esta mensagem ]


ESTRÉIA BAND NEWS FM COM FOCO NA MULHER E NO JOVEM

A EMISSORA DE JORNALISMO 24 HORAS ESTREOU HOJE NOS 96,9

A Band News FM _no ar desde a 0h de hoje_ pretende atingir público jovem (de 25 a 55 anos) e, principalmente, feminino, segundo disse Johnny Saad, presidente do Grupo Bandeirantes de Comunicação.

"Pesquisas mostram que 97% dos jovens de 15 a 20 anos ouvem rádio", informa Neneto Camargo, vice-presidente do grupo, que ainda acrescentou que as mulheres "já fazem partem do mundo dos negócios".

Cobertura forte em jornalismo, esporte e entretenimento é a meta da nova emissora, que adquiriu um equipamento canadense que faz com que todos os veículos do Grupo (Band News TV, rádio Bandeirantes AM, Canal 21 e outros) possam interagir. "Os estúdios serão interligados em linha digital", diz Camargo. Isso vai permitir que amanhã, conforme o interesse do assunto, a cabeça de rede (de onde a rádio está retransmitindo) mude de São Paulo para a localidade de onde vem a notícia.

Entre oito âncoras, cinco mulheres dominam o comando da Band News FM. Duas são de rádio: Ana Lúcia Moretto (ex-Pan) e Chiara Luzatti (ex-RB). As outras vieram de TV: Priscilla de Paula, Flávia Cavalcante e Patrícia Figueiredo.

Band News FM contrata time de 27 colunistas
A emissora, que aposta em jornalismo jovem focado na mulher, chamou 27 colunistas para reforçar a equipe. Entre eles, Rosely Sayão e Sérgio D’Ávila, da "Folha de S. Paulo". Inês de Castro, da "Elle", que falará sobre beleza, nunca fez rádio e está empolgada. "A comunicação é mais solta que na escrita." (Publiquei no Agora)

Aguarde comentários sobre a estréia



Escrito por Magaly Prado às 10h33
[ ] [ envie esta mensagem ]


BAND NEWS : NOVIDADES

Band News FM _emissora 24h de jornalismo_ estréia à 0h de sexta-feira, com cinco âncoras mulheres. Quer atingir o público feminino jovem (25 a 55 anos). No ar em São Paulo na freqüência da Sucesso (96,9), no Rio no lugar da Fluminense (94,9), BH (89,5) e Porto Alegre (99,3).

Querem expandir a rede. Pretendem entrar em Brasília, Curitiba, Recife, Salvador e Santos (SP). 27 colunistas já estão contratados para reforçar o time encabeçado por Carlos Nascimento, como comentarista entre 7h e 9h.

Os âncoras: Carlos Nascimento, Chiara Luzzati, Priscilla de Paula, Ana Lúcia Moretto, Eduardo Barão, Flávia Cavalcante, Patrícia Figueiredo e Márcio Fernandes. Aguarde mais informações sobre a nova FM. 



Escrito por Magaly Prado às 10h08
[ ] [ envie esta mensagem ]


100% JORNALÍSTICA

DIA 20 ESTRÉIA A BAND NEWS FM COM CERCA DE 30 COLUNISTAS

A emissora começa nesta sexta-feira _dia de maior audiência da rádio_ para abalar o posto da CBN, até então a única totalmente jornalística no dial FM. Para tanto, elege um time de cerca de 30 colunistas, como Ricardo Boechat, Dora Kramer e Alex Atala, segundo conta Carlos Nascimento, o nome forte para o comando da Band News FM, no horário nobre, das 7h às 9h.

A colunista da "Folha de S. Paulo" Mônica Bergamo foi convidada a participar da equipe por Neneto Camargo, vice-presidente do Grupo Bandeirantes, mas sua ida não estava confirmada até o fechamento desta edição. Além da colunista, nomes como o de Lilian Wite Fibe _que acaba de ser contratada pela Rede 21, do mesmo grupo_, estão sendo sondados para o time.

Nascimento conta que a Band News será diferente da Band AM. "É outro perfil". Na AM, a opinião tem mais espaço. Na FM, nas duas horas em que ficará no ar, o jornalista se concentrará nos principais fatos do dia. "É como eu faço na TV, mas com mais tempo para comentar", adianta o âncora, que ainda não teve sua primeira reunião com a direção.

Trajetória radiofônica

Carlos Nascimento começou sua carreira em rádio aos 13 anos, em Dois Córregos (SP), na Cultura. Seu primeiro programa era musical, chamava-se "O Comando é dos Brotos" e foi apresentado por cinco anos.

Então, saiu do interior e foi trabalhar na rádio ABC, de Santo André, como locutor de futebol. Teve a mesma função na rádio Nacional _atual Globo_ e, quando o Brasil perdeu a Copa de 1974, foi de vez para o jornalismo, no qual ficou conhecido. "Eu já fazia jornalismo, só que esportivo", diz ele, que passou a ser noticiarista do programa "Globo no Ar", que existe até hoje.

Mas Nascimento ainda tem outra faceta desconhecida do público que o acompanha nos últimos anos: sua experiência em rádio popular. "Trabalhei na América AM. Atendia aos ouvintes que pediam músicas no programa ‘América do Som’."

Hoje em dia, o comunicador é ouvido pelo público de cerca de 60 emissoras, com um boletim diário sobre economia. "Faz um ano e três meses que vim para a Band, com contrato exclusivo de três anos, para apresentar o ‘Jornal da Band’ na TV", conta Nascimento, que recebeu convite do diretor Marcelo D’Ângelo. "A FM não estava nos meus planos, mas, como é um projeto interessante, resolvi entrar", diz. Antes mesmo da estréia, o apresentador já passa o dia todo na Band. "Vai ser difícil, mas quero que tudo dê certo."

Roberto Avallone está na nova rádio

A emissora só de notícias Band News FM, que estréia na sexta-feira, dia 20, está formando sua equipe. Já se sabe que a direção _que só vai anunciar a grade da programação em entrevista coletiva nesta quarta-feira_ vai incluir noticiário de esporte, pois Roberto Avallone foi convidado a participar pelo diretor da nova FM, Marcelo D’Angelo.

O jornalista esportivo está no Grupo Bandeirantes desde o mês passado, quando saiu da Rede TV!, que o demitiu por ter descoberto suas negociações com o grupo de Johnny Saad. Avallone conta como será sua participação na programação: "Vou entrar com boletins sobre futebol entre as 7h e as 9h", diz.

Às segundas e quintas, Avallone vai conversar com o âncora Carlos Nascimento, que comanda o horário. "Será um bate-papo sobre as rodadas esportivas."

E, aos sábados, Avallone gravará uma história de futebol atemporal. "Por exemplo, se houver um clássico como Corinthians X São Paulo, conto curiosidades históricas", adianta o jornalista. (Publiquei no Agora)



Escrito por Magaly Prado às 13h54
[ ] [ envie esta mensagem ]

© 2004. Todos os direitos reservados. Expressamente proibido a publicação e/ou utilização deste conteúdo sem autorização.
Meu humor:

  Escutando todas!

Magaly Prado é jornalista, radiomaker, professora universitária e escritora. Doutoranda em Comunicação e Semiótica pela PUC-SP e bolsista da CAPES - Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Ensino Superior. É Mestre em Tecnologias da Inteligência e Design Digital pela PUC-SP, pós-graduada em Comunicação Jornalística pela Faculdade Cásper Líbero, onde cursou Jornalismo e na qual ministra aulas de Produção de Rádio e Radiojornalismo II e pesquisa Publicidade no Rádio, no CIP –Centro Interdisciplinar de Pesquisa. Ministra também aulas de Linguagem Aplicada ao Audiovisual, Jornalismo On-line e Livro-Reportagem na FMU –Faculdades Metropolitanas Unidas– e Introdução ao Jornalismo na ESPM –Escola Superior de Propaganda e Marketing. É professora convidada do MBA de Rádio e TV da Universidade de Tuiuti do Paraná (UTP), no qual ministra Roteiro Avançado de Rádio. Publicou os livros "Produção de Rádio - Um Manual Prático" pela editora Campus/Elsevier, em 2006, e “Webjornalismo” pela LTC/ GEN, em 2010, quando criou uma página com informações aumentadas em .
 Leia mais
 Cursos de Rádio
 Palestras sobre Rádio

 Fale Conosco
 Responda quatro perguntas sobre rádio na web, por favor

 Eventos do mês

  Ouça entrevista com a Magaly

Histórico:
Ver mensagens anteriores

 Sugestão de leitura

LINKS
 Radio Uol
 Site da minha filhota
 Ondas Curtas
 Helio Ribeiro
 Uolk


Pesquisas interessantes:
  O que a classe "A" ouve?

Matérias polêmicas:
  89FM vira 89 Pop
  Vem aí a rádio MTV FM
  Record compra Guaíba AM/FM

  SulAmérica Trânsito FM

Entrevistas especiais:
  Paulo Bonfá
  João Gordo detona 89

  Paulo Lopes
  Fiori Giglioti





Por problemas técnicos, este contador zerou e recomeçou a contar a partir de novembro


powered by ODEO